Clean up Day 2013 - Projeto Fundo Limpo retira 482 kg de lixo do mar da Praia da Barra, em Salvador (Dia Mundial de Limpeza de Praias)

A atividade reuniu 46 mergulhadores, além de equipe de apoio em solo.

Em seu 19º Clean up Day, o Projeto Fundo Limpo realizou, no último sábado, mais uma atividade de coleta de resíduos no fundo do mar da Praia da Barra, em Salvador, desta vez contando com 46 mergulhadores voluntários, a maior equipe já reunida com este propósito na Bahia.

O Dia Mundial de Limpeza de Praias, Clean Up the World (ou Clean up Day, como é mais conhecido), foi criado em 1993, pelos australianos Ian Kiernan e Kim McKay. Desde então, vem mobilizando um número cada vez maior de países envolvidos com o intuito de limpar e conservar o meio ambiente marinho. O Projeto Fundo Limpo foi criado um ano depois pela Escola de Mergulho Galeão Sacramento, inicialmente com o objetivo exclusivo de apoiar esta iniciativa, porém, ganhou um tamanho maior e, atualmente, realiza quatro grandes eventos de limpeza no fundo do mar anualmente.

Neste ano, a primeira fase da ação de limpeza do fundo do mar aconteceu um dia antes do Carnaval, dia 06 de fevereiro, e recolheu 485 kg de resíduos sólidos. A segunda etapa da atividade aconteceu um dia após o término das festividades e, através desta, foram coletados 915 kg de lixo. Ou seja, quase uma tonelada e meia de resíduos em apenas dois dias de trabalho.

A ação do dia 21 de setembro contou com a participação de 46 mergulhadores voluntários, metade scuba (com cilindro de ar comprimido), metade em técnica de apneia (com snorkell, máscara e nadadeira e reserva de ar do próprio pulmão), além de equipe de apoio em solo e tripulação em três embarcações. Fizeram parte da ação, também, mergulhadores da Gmar / 13º GBM (Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros) e da Salvamar, fazendo a segurança e ajudando na atividade.


RESULTADO:
Ao longo do trecho de 2 Km, que contempla o Morro do Cristo até o ponto final do Porto da Barra, os mergulhadores foram divididos em quatro grupos em pontos distintos para facilitar a coleta e a catalogação dos objetos encontrados. Os pontos de mergulho são os seguintes: Mediações do Morro do Cristo, Farol da Barra, em frente ao Hospital Espanhol e no Porto da Barra. No total, 482 kg de resíduos sólidos foram recolhidos do mar em um período de quatro horas (Das 08 às 12h).

Foram recolhidos, ao todo, 06 seringas, 270 garrafas pet de tamanhos diversos, 836 objetos plásticos variados, 476 latinhas de refrigerante e cerveja, 445 palitos de churrasco, 223 pedaços de tecido ou peças de roupa, 50 objetos de metal, 62 pedaços de fios de nylon (usado em pesca), 96 objetos e pedaços de borracha, 45 pedaços e objetos de vidro, 16 pedaços e objetos de porcelana, 41 pedaços de madeira, 11 pedaços de fios elétricos, 10 pneus de automóveis, 06 âncoras, 04 sombreiros e 01 mangueira plástica.

Os dados catalogados através das coletas realizadas pelo Projeto Fundo Limpo são enviados para pesquisa científica e, posteriormente, serão disponibilizados à população.

O lixo marinho não fica restrito apenas à faixa de areia. Plástico, madeira, vidro, tecido, metal, borracha, entre outros itens, são constantemente encontrados flutuando na coluna d’água e depositados no fundo do mar. “O lixo de fundo, também chamado de lixo bentônico, ameaça de diversas formas os animais e ecossistemas associados ao fundo marinho, sufocando corais, entupindo brânquias de pequenos animais filtradores, sendo ingeridos por predadores que o confundem com alimento. Animais como tartarugas, golfinhos e tubarões também acabam se emaranhando e morrendo”, explica Bruno Rocha Souza, Presidente do Projeto Fundo Limpo. “Sem falar que as praias têm papel fundamental na atração de turistas para Salvador. A grande quantidade de lixo espalhada nas areias e no fundo do mar é um desestímulo ao turismo da cidade”, acrescenta.

“A quantidade de resíduos coletada não diminuiu ao longo deste ano, o que nos deixa bastante apreensivos quanto aos hábitos dos banhistas que frequentam a Praia da Barra em Salvador – e que podemos deduzir serem os mesmos hábitos daqueles que vão às outras praias da cidade. É bastante triste realizar uma atividade desta magnitude e, no final da tarde, após a triagem dos objetos, notar que, infelizmente, a maré está levando uma quantidade grande de latas e objetos plásticos que as pessoas deixaram na areia novamente”, relata Lis Braga, Diretora de Comunicação do Projeto. “Este projeto precisa ser abraçado pela sociedade, afinal, o mar tem importância vital para todos nós. É preciso realizar campanhas de reeducação ambiental para que as pessoas assimilem esta ideia”, conclui.

Para participar das atividades como voluntários, fazer sugestões, solicitar palestras ou apoiar financeiramente a iniciativa do Projeto Fundo Limpo, os interessados precisam escrever para o projetofundolimpo@gmail.com ou entrar em contato através das redes sociais: www.facebook.com/projetofundolimpo e www.twitter.com/fundolimpo.

O evento teve o apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador através da Secretaria Cidade Sustentável, Veloce Motors & Marine, Bahia Marina, Instituto RAM de Reeducação Ambiental, Revista Mergulho, Salvamar Bahia, GMAR / 13º GBM, Projeto Conexão Ecológica, Instituto Bioma Brasil, Athelier PHNX e NAUI.


MATERIAIS E MÉTODOS:
Para a realização do Projeto Fundo Limpo, é utilizada a metodologia sugerida pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (UNEP), com todos os equipamentos básicos que assegurem a integridade dos mergulhadores envolvidos na coleta. A operação também inclui equipamentos destinados à remoção e armazenamento dos itens (embarcações de apoio, cabos, GPS, boias e sacos-rede) e registro de dados, informações e imagens (câmera para filmagem e fotografia).


SERVIÇO REALIZADO:
Projeto Fundo Limpo no Clean up the World 2013
Quando: 21 de setembro de 2013, das 08h às 18h
Onde: Praia da Barra, trecho do Cristo ao Porto da Barra


CONTATOS:
www.projetofundolimpo.blogspot.com
www.facebook.com/projetofundolimpo
www.twitter.com/fundolimpo
projetofundolimpo@gmail.com
71 3264-2065 / 9637.7171 / 8763.1172 / 9365.7227

71 3264-2065 / 9637.7171 / 8763.1172 – Bruno Rocha Rocha Souza – Diretor Geral e Mergulhador Dive Master
71 9365.7227 Lis Braga – Diretora de Comunicação e Mergulhadora

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.