Einstein também tinha Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade

Albert Einstein nasceu dia 14 de março de 1879 em Ulm, uma pequena cidade ao sul da Alemanha, onde viveu toda a sua infância e até a sua juventude, já em Zurique, o nosso pequeno gênio "comeu o pão que o diabo amassou". Entre mudanças de cidades e falências das empresas do seu pai, Einstein enfrentou o autoritarismo da escola alemã e os preconceitos raciais tão intensos naquela época.
Logo cedo demonstrou aptidão para atividades individuais. Ao invés de jogos infantis no jardim, com as outras crianças, preferia construir, sozinho, complicadas estruturas com cubos de madeira e grandes castelos de cartas de baralho, alguns com catorze andares. Aos 7 anos demonstrou o teorema de Pitágoras para seu tio Jakob, que tinha lhe ensinado os fundamentos da geometria poucos dias antes.

Einstein mandava bem em matemática e ciências naturais, mas para as disciplinas que exigiam capacidade de memória era um fracasso! Em geografia, história, francês e, particularmente, o grego ele era um desastre! Decorar conjugações de verbos? Um horror! Enfim, no conjunto das suas habilidades, não tinha como imaginar que um dia ele seria um gênio e seus familiares acreditavam até que ele poderia ter algum tipo de anomalia.

Quer mais? Então clique aqui!
Fonte: www.if.ufrgs.br/einstein/menino.html

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.